4 dicas simples para escrever melhor

4 dicas simples para escrever melhor

O tão comentado marketing de conteúdo só é possível com um bom texto. Claro que você pode encontrar blogs com textos mal escritos por aí, mas aqueles que mantêm um bom padrão naturalmente sobressaem. Escrever bem não é algo que acontece em um passe de mágica, existem técnicas próprias para o desenvolvimento do texto, mas há também alguns pequenos hábitos que são decisivos. Neste artigo, apresentamos quatro dicas bastante úteis para quem deseja escrever melhor: com mais frequência e mais qualidade.

Não existe cultura “ruim”

É difícil encontrar pessoas que gostem de rock e também escutem funk ostentação. Existem questões culturais que tornam os estilos musicais completamente diferentes. O importante é superar os preconceitos e conhecer um pouco de tudo, desde Beatles até MC Kevinho. Manter a mente aberta permite buscar novos elementos que poderão ser úteis no desenvolvimento de um texto. Isto sem mencionar que algumas referências culturais trazem dinamismo e enriquecem o conteúdo mesmo que pareçam “bregas”.

Claro que a música é apenas um exemplo, o mesmo se aplica a filmes, peças de teatro, livros. E por falar em livros, vale sempre destacar a importância da leitura para a escrita. Leia de tudo, mas de tudo mesmo! Sempre será possível tirar algum ensinamento dos textos, ainda que seja de como não escrever.

Alimentar o cérebro é fundamental

A boa alimentação é uma das formas mais eficazes de se manter saudável, isso vale para o corpo e para o cérebro. Alguns alimentos são especificamente bons para o cérebro e, por isso, são associados ao aumento de inteligência. Peixes como salmão, atum e sardinha são ricos em Ômega 3, substância que contribui para o melhor funcionamento do sistema nervoso.

Existem outros alimentos indicados para o bom funcionamento do cérebro devido às substâncias que carregam. Vale a pena consultar um nutricionista para montar uma dieta que vai aprimorar a saúde física e mental.

E, claro, beba bastante água para manter o cérebro sempre irrigado.

Nunca foi tão bom ser curioso

A curiosidade é um combustível para despertar o espírito criativo, tão importante na hora de escrever um texto. Devemos sempre ser curiosos para ampliar o leque de conhecimentos e manter o cérebro ativo. Na chamada “era da informação” (ou seria “era do Google”?), as pessoas têm um acesso fascinante a respostas para as mais diversas perguntas. Por exemplo, quando você está lendo um texto e não sabe o significado de uma palavra ou deseja saber mais sobre determinada pessoa, é muito saudável abrir uma aba no navegador e ir atrás da informação. Estamos sempre a poucos segundos e cliques de distância da resposta que buscamos.

Ser curioso faz bem não apenas para o texto, mas para as demais interações sociais que temos a cada dia. Pessoas com bastante conhecimento são muito mais interessantes, não é mesmo?

Faça pausas estratégicas

Ninguém consegue manter um alto nível de produtividade se trabalhar horas e horas sem parar. Isso é ainda mais sensível quando se trata de algo que envolve criatividade, tal como a escrita. Fazer pequenas pausas na rotina ajuda a arejar as ideias e pode trazer alguns insights que você não teria se mantivesse o foco absoluto no texto.

As pausas podem ser curtas (entre 10 e 15 minutos), mas é importante desconectar mesmo para deixar o cérebro trabalhar um pouco livremente. Você vai ver que grandes ideias vão surgir e aquele parágrafo até então emperrado terá sua solução.

 

O que você achou das dicas? Procure agora colocá-las em prática!

Lembre-se que o marketing de conteúdo começa com uma boa escrita. Aproveite também para conhecer outro conceito associado a esse universo, o inbound marketing. Basta clicar neste botão aqui embaixo.  😉

2017-05-31T13:17:38+00:0031/05/2017|