Como o post satélite contribui para o SEO de um blog

Como o post satélite contribui para o SEO de um blog

Existem diferentes maneiras de aperfeiçoar o SEO (Search Engine Optimization) de um site. Os parâmetros adotados pelo Google são bastante dinâmicos, por isso os criadores de conteúdo devem ficar atentos para as novidades. Frequentemente, os algoritmos do principal buscador do mundo são atualizados e se tornam mais amigáveis a certas práticas. No artigo de hoje, vamos abordar um critério recente que tem impacto direto sobre o SEO – o post satélite.

Antes de entrarmos propriamente na definição de post satélite, vale lembrar a importância do SEO. Se você não conhece o conceito, confira esse artigo do nosso blog.

O que é post satélite?

Para entendermos o valor do post satélite, é fundamental entrar no conceito de “texto tronco” ou post pilar – um artigo longo que se destaca no blog. O post pilar é focado em uma palavra-chave relevante para o negócio e ajuda a melhorar o ranqueamento no Google.

Em geral, esse artigo mais longo tem aproximadamente três mil palavras, ou seja, permite aprofundar bastante no conteúdo. Por ser robusto, permite que outros posts menores sejam linkados ao longo do texto para potencializar o alcance do blog. Esses artigos menores são justamente os posts satélites. A ideia é que eles também trabalhem em cima da palavra-chave estratégica, pois isso contribui bastante para o aumento da autoridade do blog perante os algoritmos do Google.

Leia também: 3 dicas para transformar visitantes em leitores fiéis do seu blog

Por que usar post satélite e post pilar?

A utilização de posts satélites ajuda a direcionar a estratégia de conteúdo de um blog. Se a empresa precisa ranquear melhor em uma palavra-chave importante para o negócio, os vários artigos – sustentados pelo texto tronco – ajudam bastante.

A audiência tende a crescer rapidamente porque os artigos vão se ajudar mutuamente com links oportunos. Nesse sentido, o post pilar tem caráter decisivo, pois sua densidade permite a colocação de muitos links para outros artigos.

Essa estratégia de conteúdo funciona porque chama a atenção dos algoritmos que determinam o ranqueamento de sites no Google. As buscas feitas pelas pessoas estão cada vez mais complexas, então a prioridade é para os artigos bem mais densos.

O post pilar faz isso não só pelo volume de texto, mas também pela variedade de links complementares que aprofundam o conteúdo nos posts satélites.

Uma estratégia em constante evolução

O dinamismo dos algoritmos do Google induz a uma criação de conteúdo também muito dinâmica. Ninguém sabe qual estratégia terá mais eficácia daqui alguns meses.

Desenvolver um post pilar e outros posts menores de apoio é um caminho bastante interessante atualmente. Porém, vale a pena analisar o planejamento de conteúdo de forma periódica. É preciso avaliar o volume de visitas a cada artigo do blog e buscar maneiras de melhorar a performance.

Como fazer isso? Com uma estratégia forte de inbound marketing. Confira nosso e-book sobre o tema e entenda o conceito que vai mudar sua visão sobre a importância do conteúdo.

O que fazer para melhorar ainda mais o SEO?

Melhorar o SEO do site é fundamental para atrair visitantes que futuramente podem se tornar clientes. Além da criação de um post pilar e posts satélites, há outros aspectos a serem trabalhados nesse sentido. Neste artigo, apresentamos quatro dicas básicas que ajudam bastante a melhorar o SEO de sites corporativos. Leia agora mesmo para melhorar sua posição no Google!

 

2018-04-24T02:15:38+00:0001/03/2018|